Mensagem do Dia

Seleção diária das melhores mensagens da bíblia

Home >> Mensagem do Dia >> Deus salva de todas as tribulações Salmo 107 Livro V Salmos 107—150

18/09/2019 - Deus salva de todas as tribulações Salmo 107 Livro V Salmos 107—150

 

Livro V Salmos 107—150 Deus salva de todas as tribulações Deem graças ao SENHOR,  porque ele é bom,

e a sua misericórdia dura para sempre.

Digam-no os remidos do SENHOR

os que ele resgatou da mão do inimigo

e congregou dentre as terras, 

do Oriente e do Ocidente,

do Norte e do Sul.

 

Andaram errantes pelo deserto,  por lugares áridos,

sem achar cidade em que pudessem morar.

Famintos e sedentos, 

desfalecia neles a alma.

Então, na sua angústia,  clamaram ao SENHOR,

e ele os livrou das suas tribulações.

Conduziu-os pelo caminho direito, 

para que fossem à cidade em que pudessem morar.

Que eles deem graças ao SENHOR por sua bondade

e por suas maravilhas para com os filhos dos homens!

Pois saciou a alma sedenta 

e encheu de bens a alma faminta.

 

Alguns se assentaram nas trevas  e nas sombras da morte,

presos em aflição e em correntes de ferro,

por terem se rebelado  contra a palavra de Deus

e desprezado o conselho do Altíssimo,

de modo que lhes abateu  o coração com trabalhos —

esses caíram, e não houve quem os socorresse.

Então, na sua angústia,  clamaram ao SENHOR,

e ele os livrou das suas tribulações.

Tirou-os das trevas  e das sombras da morte

e quebrou as correntes que os prendiam.

Que eles deem graças ao SENHOR por sua bondade

e por suas maravilhas para com os filhos dos homens!

Pois derrubou  as portas de bronze

e despedaçou as trancas de ferro.

 

Os insensatos, por causa do seu  caminho de transgressão

e por causa das suas iniquidades, serão afligidos.

Abominaram  todo tipo de comida,

e chegaram às portas da morte.

Então, na sua angústia,  clamaram ao SENHOR,

e ele os livrou das suas tribulações.

Enviou-lhes a sua palavra,  e os sarou,

e os livrou do que lhes era mortal.

Que eles deem graças ao SENHOR por sua bondade

e por suas maravilhas para com os filhos dos homens!

Que ofereçam sacrifícios  de ações de graças

e proclamem com júbilo as suas obras!

 

Os que, tomando navios,  descem aos mares,

os que fazem comércio na imensidade das águas,

esses veem as obras do SENHOR

e as suas maravilhas nas profundezas do abismo.

Pois Deus falou e fez levantar  o vento tempestuoso,

que elevou as ondas do mar.

Subiram até os céus,  desceram até os abismos;

no meio destas angústias, desfalecia-lhes a alma.

Andaram, e cambalearam  como bêbados,

e de nada adiantou a sua habilidade.

Então, na sua angústia,  clamaram ao SENHOR,

e ele os livrou das suas tribulações.

Fez cessar a tormenta, 

e as ondas se acalmaram.

Então se alegraram  com a calmaria;

e, assim, os levou ao porto desejado.

Que eles deem graças ao SENHOR por sua bondade

e por suas maravilhas para com os filhos dos homens!

Que o exaltem  na assembleia do povo

e o glorifiquem no conselho dos anciãos.

 

Deus transformou rios  em desertos

e mananciais, em terra seca;

fez da terra frutífera  um deserto salgado,

por causa da maldade dos seus habitantes.

Transformou o deserto  em lençóis de água

e a terra seca, em mananciais.

Estabeleceu aí os famintos, 

os quais construíram uma cidade em que pudessem morar.

Semearam campos,  e plantaram vinhas,

e tiveram fartas colheitas.

Ele os abençoou,  e eles se multiplicaram muito;

e o gado deles não diminuiu.

 

Mas outra vez foram reduzidos  e humilhados pela opressão,

pela adversidade e pelo sofrimento.

Deus mostra desprezo  pelos príncipes

e os faz andar errantes, onde não há caminho.

Mas levanta da opressão  o necessitado,

e faz aumentar a sua família como um rebanho.

Os retos veem isso e se alegram, 

mas todos os ímpios têm de fechar a boca.

 

Quem é sábio  atente para essas coisas

e considere as misericórdias do SENHOR.